TSE suspende consequências para quem não votou nas eleições de 2020

Imagem
 O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso, assinou ontem (21) uma resolução suspendendo as consequências legais para quem não votou nas eleições municipais de 2020 e não justificou ou pagou a multa. Entre suas justificativas, a medida considera “que a persistência e o agravamento da pandemia da Covid-19 no país impõem aos eleitores que não compareceram à votação nas Eleições 2020, sobretudo àqueles em situação de maior vulnerabilidade, obstáculos para realizarem a justificativa eleitoral”. O texto da resolução sobre o assunto considera ainda a “dificuldade de obtenção de documentação comprobatória do impedimento para votar no caso de ausência às urnas por sintomas da covid-19”. A norma não estipula prazo para a suspensão das sanções para quem não votou e não justificou ou pagou multa. A medida ficará vigente ao menos até que o plenário do TSE vote se aprova ou não a resolução assinada por Barroso. Isso não deve acontecer antes de fevereiro, devido ao rece

UENF faz diagnóstico de covid-19 no HGG.

A Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (Uenf) montou um laboratório para o diagnóstico molecular da covid-19 no Hospital Geral de Guarus (HGG), em Campos dos Goytacazes. A unidade, criada em parceria com a prefeitura da cidade, já está recebendo amostras para identificar casos do novo coronavírus. Em funcionamento há uma semana, o laboratório tem atendido os municípios das regiões Norte e Noroeste fluminense gradativamente, desafogando, assim, o Laboratório Central de Saúde Pública Noel Nutels (Lacen), na capital do estado do Rio. 

De acordo com o professor de imunologia do laboratório de Biologia Reconhecer da Uenf, Milton Kanashiro, “as prefeituras ainda estão se adaptando para enviar as amostras para a nossa unidade. Levávamos de 10 a 15 dias para recebermos os retornos sobre os resultados das nossas amostras porque elas iam para o Lacen.  Com a abertura do diagnóstico aqui em Campos dos Goytacazes estamos liberando os resultados em torno de 48 horas, em média”.  

Com meta de atingir aproximadamente 100 testes diários, o laboratório está com uma demanda de 20 a 40 análises por dia, atualmente. A unidade realiza testes do tipo RT-PCR, que faz a detecção direta do RNA do vírus em secreção respiratória. 

Segundo Kanashiro, a  ideia do laboratório surgiu em função do início da pandemia. “Decidimos usar o conhecimento técnico de professores da Uenf e de profissionais do Hospital Geral de Guarus. Conseguimos a certificação do laboratório para este tipo de diagnóstico e acreditamos que nosso trabalho ajudará na tomada de decisão das autoridades sanitárias”,  avaliou o professor. (Agência Brasil).

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Crivella disse que negro só gosta de: "cachaça, prostituição e macumba"?

Bolsonaro tem melhor avaliação desde o começo do mandato | Podcast.

Vídeo Som de trombetas no céu de Israel é real?