Sobrinho de cadeirante jogado de viaduto em Bauru fala sobre crueldade do crime


O vendedor Maycon Barreto, sobrinho do cadeirante Luiz Antônio Barreto, que morreu nesta quinta-feira (29) após ser jogado de cima de um viaduto durante uma suposta tentativa de assalto, em Bauru (SP), lamentou a crueldade com que seu tio foi assassinado. Mais informações sobre este caso no podcast abaixo.

De acordo com Maycon Barreto, o tio vivia nas ruas por conta de problemas com vícios de álcool e drogas. Ele contou que Luiz Antônio perdeu as duas pernas há 14 anos em um acidente na linha do trem que corta a região central de Bauru.

Maycon disse que mesmo o tio tendo força nos braços por conta dos vários anos empurrando sua cadeira de rodas, suas chances de defesa diante do ataque eram mínimas.“Ele sem dúvida tinha alguma força nos braços, mas não teria como se defender diante de um agressor que não tem problemas físicos. Ele podia até tentar se defender, mas seria em vão”, disse o vendedor (Com informações do G1).

Comentários

Postagens mais visitadas