Cientistas descobrem americano com superanticorpos contra o coronavírus

Cientistas descobrem americano com superanticorpos contra o coronavírus. Isso é ótima notícia! Claro que ainda há um longo caminho a percorrer, mas, sim, precisamos de notícias que aumentam nossa esperança. 

O norte-americano, identificado como John Hollis acreditava que até então tinha sorte de não ter contraído a doença mesmo morando com uma pessoa que ficou muito doente. Mas, ao mencionar essa situação durante uma conversa com um médico que é professor da Universidade George Mason, onde ele trabalha, o médico convidou John para se voluntariar em um estudo científico sobre coronavírus na universidade.

Geralmente, na maioria das pessoas, os anticorpos que se desenvolvem para combater o vírus atacam as proteínas das espículas do coronavírus — formações na superfície do Sars-Cov-2 em formato de espinhos que o ajudam a infectar as células humanas.  Eles são tão potentes que John é imune inclusive às novas variantes do coronavírus. O professor disse que poderia diluir os anticorpos do John em 1 para mil e eles ainda matariam 99% dos vírus. No momento, pesquisadores estudam os superanticorpos do John e de alguns outros poucos pacientes como ele na esperança de aprender como melhorar as vacinas contra a doença. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Reinfecção por covid-19

Como comprar Bitcoin

PRINCIPAIS NOTÍCIAS DO DIA