Rio de Janeiro volta a receber Feira de Vinil, neste domingo

Criada há 12 anos, a Feira de Vinil do Rio de Janeiro retorna após dois anos de pandemia da covid-19, celebrando sua 23ª edição neste domingo (25). A última edição da feira foi em dezembro de 2019, antes da pandemia de covid-19.

O evento ocorre no Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB), situado no Beco do Pinheiro, 10, no Catete, zona sul da cidade, das 11h30 às 19h, e reunirá entre 60 e 70 expositores e vendedores do Brasil e do exterior, que terão cerca de 7 mil títulos de vinis disponíveis.

A expectativa do produtor artístico da Feira, Marcello Groove, é reunir cerca de 2 mil pessoas nessa retomada, que ele considera um “movimento expressivo de público”, conforme disse à Agência Brasil. No período de 2006 a 2015, antes da crise econômica registrada a partir do final do governo da presidente Dilma Rousseff, a média de visitantes alcançava 4,5 mil pessoas por edição.

Seguindo o modelo da maior feira de vinis do mundo, que ocorre em Utrecht, na Holanda, a Feira de Vinil do Rio de Janeiro tem duas edições por ano, sendo uma no primeiro quadrimestre e a segunda entre os meses de novembro e dezembro. Neste ano, entretanto, que marca o retorno do evento pós pandemia, o próximo domingo será a única edição da feira.

Já em 2023, a meta é retomar o modelo de duas edições anuais. Para Groove, a expectativa para essa edição é positiva não só pelo retorno, após a pausa forçada, mas também pelos convidados e vendedores tiveram tempo de reunir material novo para a venda.

Via Agência Brasil

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Professor Xavier e Magneto se casaram?

Morre Mauricio Torres, apresentador do "Esporte Fantástico".

PRINCIPAIS NOTÍCIAS DO DIA