Daniel Alves deu 3 versões diferentes após ser acusado de agressão sexual

Durante os depoimentos que prestou às autoridades da Espanha, o jogador de futebol brasileiro, Daniel Alves, entrou em contradição três vezes. Ele responde a acusação de agressão sexual feita por uma mulher de 23 anos.

Na última sexta-feira, dia 20 de janeiro, Daniel Alves foi preso preventivamente, sem direto à fiança. Ele nega qualquer tipo de crime, mas apresentou versões diferentes sobre o ocorrido quando questionado em menos de 45 minutos de interrogatório. Além disso, a acusação afirmou que, por causa do seu patrimônio, o jogador poderia até alugar ou comprar um avião particular e sair da Espanha sem ter que mostrar o seu passaporte.

Na última sexta, o jornal catalão "La Vanguardia" revelou que a suposta vítima também prestou um depoimento. De acordo com o jornal, diferente do que alega Alves, ela disse ter sofrido estupro.Neste sábado (21), a mulher, que teve sua identidade preservada, afirmou que se recusa a receber indenização financeira, caso o jogador seja condenado. 

Com informações do G1

Comentários

Atenção! Por favor, observe que o conteúdo deste site é protegido por direitos autorais. Não é permitido o uso não autorizado do conteúdo sem a permissão prévia do autor. Caso tenha interesse em utilizar alguma parte do conteúdo, por favor, entre em contato pelo e-mail momentoverdadeiro@gmail.com para mais informações. Agradecemos a compreensão.

Seguidores

Postagens mais visitadas deste blog

Escândalo de estupro envolvendo Daniel Alves: Tatuagem expõe mentiras do jogador

Jovem relata como sobreviveu ao incêndio na Boate Kiss em Santa Maria (RS).

Vocalista da banda Gurizada Fandangueira contou sua versão sobre o incêndio na Boate Kiss.