Arena Condá recebe os heróis da Chapecoense. #ForçaChape

Gilmar Mendes defende atualização da Lei de Abuso de Autoridade.

quinta-feira, 9 de junho de 2016

Operação prende acusados de envolvimento no Caso Meninas de Guarus.


Caso Meninas de Guarus - Uma operação conjunta do  Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) e a Coordenadoria de Segurança e Inteligência do Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) está sendo realizada na manhã desta quinta-feira (9) na cidade de Campos dos Goytacazes. Os agentes estão cumprindo 14 mandados de prisão. 

De acordo com o Ministério Público, 12 mandados já foram cumpridos, entre eles o do ex-presidente da Câmara Municipal de Campos dos Goytacazes, o ex-vereador Nelson Nahim Matheus de Oliveira, que recebeu pena de 12 anos de prisão. Nahim é irmão do ex-governador do Rio de Janeiro, Garotinho.

Além de Nahim, os outros presos são: o ex-vereador Marcus Alexandre dos Santos Ferreira, Leilson Rocha da Silva, o policial militar Ronaldo de Souza Santos e o empresário Renato Pinheiro Duarte. Segundo o MP, dois condenados estão foragidos: Gustavo Peçanha e Dovany Salvador.

"Meninas de Guarus": Nahim demandava programas com adolescente.


Segundo a denúncia, os réus mantinham e exploravam crianças e adolescentes, entre 8 e 17 anos de idade, em uma casa situada em Guarus para fins de prostituição e exploração sexual. O lugar era mantido com as portas e janelas trancadas, com correntes e cadeados, sempre sob vigília armada. As vítimas eram obrigadas a consumir drogas, como cocaína, haxixe, crack, ecstasy e maconha, sem que pudessem oferecer resistência.

Os acusados foram condenados pelos crimes de quadrilha armada, estupro de vulnerável, exploração sexual de crianças e adolescentes, entre outros. A maior pena aplicada foi de 31 anos para os condenados Leilson Rocha e Ronaldo Santos. Com informações do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro.

Washington Luiz, repórter do Momento Verdadeiro.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Não divulgamos links.Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do M.V News.

Recomendados para você.