Dieta Low Carb é o caminho certo para emagrecer com saúde?

Preciso emagrecer. Ouvi falar da dieta low-carb. Disseram que é só parar de comer carboidratos e deixar de consumir açúcar. Comer carne com gordura, ovos, bacon, creme de leite e verduras ... Será que estou no caminho certo? Bom! A maioria das pessoas querem perder peso rapidamente, e, as vezes, não se preocupam se estão no caminho certo. Talvez  muitos não tenham conhecimento que a falta de certos nutrientes pode causar danos à saúde. Sendo assim, a dieta que deveria ser uma aliada na perda de peso, acaba se tornando vilã e causando muitos problemas, entre eles: fadiga, letargia, sonolência, prisão de ventre, lentidão mental, nervosismo e ansiedade. E tudo isso pode ser causado por falta de nutrientes. Claro que esse não é o propósito de nenhuma dieta, por isso, é sempre recomendado procurar um especialista antes de mergulhar de cabeça em uma dieta extremamente radical.

A dieta low-carb vem se tornando popular e ganhando cada vez mais adeptos nas redes sociais e grupos no WhatsApp. Então! O que é uma dieta low-carb? Por enquanto, ainda não há uma definição muito específica sobre a low carb, mas é fato que o foco principal da dieta é a redução de ingestão de carboidratos.


Um grupo defende que durante a dieta deve haver um aumento no consumo de carnes e gorduras animais e retirada total de carboidratos e açúcar, com restrição para o consumo de frutas e legumes, verduras são liberadas. Outros defendem uma low carb apenas com redução do consumo de carboidratos. É o caso do nutricionista Jeff S. Volek e o médico Stephen D. Phinney, autores do livro "A Arte e a Ciência de Viver com Poucos Carboidratos", os especialistas defendem que a dieta low-carb deve ser "bem formulada" com poucos carboidratos, muita gordura e proteína moderada. Porém, o professor do Instituto de Ciências Biomédicas da USP, Fabio Bessa Lima, diz que parte da proteína também vira gordura.

7 motivos para não deixar de comer abacaxi.

Esse é o primeiro post sobre a low carb. Afinal temos muito que aprender e ainda não há um consenso sobre a dieta low carb, que vem se tornando cada vez mais popular. Entretanto, uma coisa é certa, devemos ficar atentos com as dietas restritivas. De acordo com o endocrinologista João Salles, esse tipo de dieta traz 3 prejuízos: perda de massa magra, queda do metabolismo e risco de contrair infecção. Para nutricionista Rachel Francischi, as essas dietas são modismos alimentares que envolvem obsessão e podem revelar transtornos alimentares. Em breve farei outro sobre este tema. Acompanhe nossas atualizações.

Washington Luiz, repórter do Momento Verdadeiro.

Comentários

Veja também

Preso processa policiais após ter uma ereção de 4 dias.