Polícias Civil e Militar desmentem boatos sobre sequestro de crianças.

Essa semana a Polícia Civil do Estado de São Paulo desmentiu boatos irresponsáveis sobre o sequestro de crianças na cidade de Taubaté. De acordo com um texto, que circula pelas redes sociais, um casal bem vestido estaria abordando mães na região central e levando seus bebês. A história também circula pelo WhatsApp, só que uma versão em áudio, sobre uma mãe que teve uma filha levada por um casal com roupas sociais.

"Muito cuidado mamães que andam com crianças na rua sozinhas. Está tendo roubo de crianças pequenas. Pessoas bem vestidas estão arrancando os filhos dos braços das mães. Dizem ser para tráfico de órgãos infantis...," diz um trecho do texto que circula pelo Facebook. Claro que toda história envolvendo crianças mobiliza muita gente e gera muita comoção na web. Porém, nesse caso, sem saber os internautas estão compartilhando uma história é FALSA.

Conforme informou portal G1, nos grupos do Facebook e também pelo WhatsApp, usuários estão compartilhando o que seria um retrato falado dos possíveis suspeitos pelos crimes de rapto. A polícia esclarece que não divulgou nenhum retrato falado e que as postagens com as imagens também são falsas.


De acordo com informações da Polícia Civil, não há registro de ocorrências de sequestro de crianças em toda cidade. Todos os casos de sequestro são investigados pelo setor de inteligência e, caso houvesse algum tipo de situação como essa, toda a polícia seria mobilizada nas buscas. A Polícia Militar também informou por meio de nota que não há registro de ocorrência na região do Vale do Paraíba sobre esse tipo de chamado e a informação se trata de um boato.

Washington Luiz, repórter do Momento Verdadeiro.

Comentários

Menina teve reação à tatuagem de henna. Impressionante!