Papa cancela a Bíblia e propõe novo livro? Não, é boato.

Muito se discute a importância de verificar a procedência de uma informação que circula pelas redes sociais e aplicativos de mensagens. Atualmente observa-se que a maioria dos boatos e notícias falsas chegam as pessoas e são espalhadas rapidamente justamente por falta desta verificação.

Pode-se mencionar, por exemplo, um texto que diz que o papa Francisco quer cancelar a Bíblia e está propondo a criação de um novo livro, com uma mensagem contemporânea. A informação, divulgada no site 'There Is News', foi traduzida e desde então tem sido repassada pelo WhatsApp.

Leia abaixo um trecho do texto divulgado no app:

"Papa Francisco surpreendeu o mundo hoje ao anunciar que a Bíblia está totalmente desatualizada e precisa de uma mudança radical, por isso a Bíblia é oficialmente cancelada e é anunciada uma reunião entre as personalidades mais altas da igreja onde será decidido o livro que a substituirá". 

O texto também menciona a necessidade de reescrever a palavra de Deus, principalmente o Velho Testamento.

É óbvio que esta informação causou uma enorme polêmica e deixou muitas pessoas indignadas. Embora, oficialmente, não há nenhum pronunciamento do pontífice sobre a tal proposta.

Logo essa história dando conta que o papa Francisco cancela a Bíblia e propõe a criação de um novo livro é muito estranha. E você, caro amigo leitor, já deve ter percebido que não é verdadeira. Exatamente! Ocorre que a notícia falsa foi divulgada em um site que publica artigos fictícios e alguém resolveu repassar.

É isso pessoal. Está história de que o papa quer cancelar a Bíblia é FALSA.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Carlos Villagrán, o Kiko, do "Chaves", morreu? Não, é boato.

Fátima Bernardes ajuda família de ladrão morto por mãe policial? Não!

Justiça Federal suspende benefício de ex-presidente a Lula.