Bolsonaro quer que general peça demissão da presidência da Petrobras

Você já sabe que quando o assunto envolve política nada é garantido. Aliados de hoje se tornam adversários de amanhã... São coisas da política! E o que vamos te contar agora, não foge desta regra.

Tudo indica que os dias do general Joaquim Silva e Luna no comando da Petrobras estão contados. Embora o governo não tenha se manifestado publicamente neste sentido. Pelo contrário, a ministra da Secretaria de Governo, Flávia Arruda, disse que o presidente Jair Bolsonaro não avalia trocar o presidente da Petrobras.

No entanto, o que a imprensa repercute nesta segunda-feira (14) não indica que o atual presidente da Petrobras deve permanecer no cargo. Aponta que Bolsonaro espera mesmo é que o atual presidente da Petrobras peça demissão do cargo.

Enfim, com toda essa pressão por contra do reajuste dos combustíveis anunciado pela estatal na semana passada, a saída de Silva e Luna do cargo já é quase que certa. Se isso vai acontecer ou não, é questão de tempo para a gente saber. Fato é que em ano eleitoral manter um indicado que apoia a atual Política de Preços da Petrobras parece inviável né?

O que você achou disso? Comente, nós queremos saber sua opinião.

Siga-nos no Twitter. Inscreva-se em nosso Canal no Youtube. Até breve

Comentários

Atenção! Por favor, observe que o conteúdo deste site é protegido por direitos autorais. Não é permitido o uso não autorizado do conteúdo sem a permissão prévia do autor. Caso tenha interesse em utilizar alguma parte do conteúdo, por favor, entre em contato pelo e-mail momentoverdadeiro@gmail.com para mais informações. Agradecemos a compreensão.

Seguidores

Postagens mais visitadas deste blog

Escândalo de estupro envolvendo Daniel Alves: Tatuagem expõe mentiras do jogador

Jovem relata como sobreviveu ao incêndio na Boate Kiss em Santa Maria (RS).

Vocalista da banda Gurizada Fandangueira contou sua versão sobre o incêndio na Boate Kiss.