Espera por atendimento nos corredores do HGG vem irritando os pacientes.

Campos dos Goytacazes - A espera por atendimento nos corredores do setor de emergência do Hospital Geral de Guarus (HGG) vem irritando os pacientes da unidade. Com pouca ventilação, acompanhantes abanam os pacientes para amenizar a situação. As reclamações são de que o problema é constante.
Além do calor, alguns pacientes precisam superar também o mau cheiro vindo dos banheiros. O cano que sai de um dos mictórios deveria estar ligado a um ralo, mas toda a urina vai para um balde quase transbordando.

A morte de uma paciente que aguardava no corredor no último sábado (17) aumentou o alerta. Leire Daiane, de 33 anos, chegou a ser transferida para a Beneficência Portuguesa após um infarto mas, segundo parentes, não chegou a conseguir um leito disponível.

A direção do HGG informou que a entrada de pacientes que chegam em ambulâncias se dá pelo corredor. Atualmente, os pacientes nessa situação estão aguardando consultas e exames para que seja definido pela internação ou alta. Declarou ainda que o grande volume de pacientes aguardando nos corredores é proporcional às 32 especialidades médicas ofertadas diariamente na unidade que correspondem a 400 atendimentos por dia.

Sobre a morte da paciente, o hospital informou que ela recebeu atendimento médico e quando o quadro de saúde se agravou ela foi encaminhada para uma unidade de pacientes graves, mas acabou não resistindo.

Comentários

Camisa do Flamengo é eleita a 2ª mais bonita do mundo.



Software recomendado
Baixar videos do YouTube com Freemake