Flamengo deve ou não renovar com Emerson Sheik?

Thiago Lacerda ganha indenização de R$329.000,00.

quinta-feira, 7 de abril de 2016

Roberto Carlos tem offshore citada no Panama Papers.


Panama Papers — este é o nome que foi dado a um esquema gigantesco de evasão fiscal. O Consórcio Internacional de Jornalistas de Investigação divulgou, nesta quinta-feira (07/04), novos dados sobre o caso. Segundo o ICIJ, os escritórios da Mossack Fonseca criaram 16.300 empresas de fachada.

No esquema, Hong Kong aparece como centro de criação de empresas offshore, que são utilizadas para transferir capital para o exterior. 

O caso já envolve famosos, entre eles, o cantor brasileiro Roberto Carlos, conforme informou o jornalista Fernando Rodrigues, blogueiro do portal UOL. R.C figura lista de acionista de um offshore chamada Happy Song, criada em março de 2011, no Panamá. 

Através de sua assessoria, Roberto Carlos informou que a empresa está declarada à Receita Federal e ao Banco Central, assim como seus rendimentos e remessas para o exterior. Confira a nota: "Para desenvolvimento e manutenção dessa íntegra e sólida carreira, das diversas atividades correlatas, e por questões estratégicas do negócio, o Sr. Roberto Carlos efetua investimentos em empresas no Brasil e no exterior, inclusive onde permanece de três a quatro meses por ano, aproximadamente, por força de suas turnês e compromissos com gravadoras, distribuidoras, empresas de mídia televisiva e impressa".

Além de Roberto Carlos, os nomes de Lionel Messi, jogador do Barcelona e do ex-jogador de futebol, Michel Platini também apareceram no esquema. 

Washington Luiz, Repórter do Momento Verdadeiro.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Não divulgamos links.Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do M.V News.