IURD deve pagar este ano à Record R$ 575 milhões.

Fique sabendo → A Record, emissora do bispo Edir Macedo, deve receber cerca de R$575 milhões da Igreja Universal do Reino de Deus, que também pertence ao religioso. A IURD deve pagar esse valor pela compra da faixa horária da emissora nas madrugadas de segunda a domingo. A informação foi divulgada pelo jornalista Ricardo Feltrin, do portal UOL.

Segundo o jornalista, o custo da 'compra' do horário pela Igreja Universal vem crescendo de forma constante há dez anos. Em 2006, a IURD pagou aproximadamente R$ 240 milhões. Em 2011, R$ 480 milhões. Em 2013, R$ 500 milhões. Em 2015, R$ 535 milhões. 

Este ano, a estimativa é que a IURD deve desembolsar R$ 575 milhões. Esse valor, segundo o jornalista, representa cerca de 28,7% do faturamento total da Record.

Sobre o fato da Record e a IURD pertencerem a mesma pessoa, o bispo Edir Macedo, Feltrin informa que pela legislação vigente não há nenhuma irregularidade na negociação entre igreja e emissora.


Outro Lado

De acordo com o colunista, a Igreja Universal do Reino de Deus se recusou a comentar os dados obtidos pela coluna. A alegação foi que, no contrato entre igreja e emissora, há cláusulas de confidencialidade. A Record também não se manifestou.

Templo de Salomão e a chegada do Anticristo.
Filha de Edir Macedo cobra 50% de dízimo; diz bispo.

A Record também não se manifestou. 

Washington Luiz, repórter do Momento Verdadeiro.
Fonte: Coluna do Ricardo Feltrin, portal UOL.

Comentários

Naldo Benny pede ajuda para encontrar carro roubado do filho.