Adeus à Kim Jong-hyun, vocalista da banda de K-pop SHINee.

Jean Wyllys pode ser afastado por 120 dias.

É verdade → O deputado Jean Wyllys pode ser afastado de suas funções por 120 dias. O pedido foi feito pelo relator do processo no Conselho de Ética da Câmara dos Deputados, o deputado Ricardo Izar, nesta terça-feira (13). Entretanto, como informou a Agência Brasil,  há possibilidade de que um pedido de vista adie o desfecho da representação para depois do recesso parlamentar.  

Wyllys responde por quebra de decoro parlamentar, após  ter cuspido em direção ao deputado Jair Bolsonaro durante a votação do pedido de impeachment da ex-presidenta Dilma Rousseff, no dia 17 de abril, na Câmara.

Durante o processo, Jean Wyllys disse que apenas reagiu aos insultos de Bolsonaro, que o teria chamado de "queima rosca", "bichinha" e "veadinho", entre outros termos homofóbicos. 

O PSOL também estuda entrar com um recurso na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) contra o parecer de Izar, que teria antecipado o seu voto.


O deputado José Carlos Araújo (PR-BA), presidente do colegiado, encerrou a reunião antes do término da leitura do parecer e marcou outra para amanhã, às 14h30, quando o relatório poderá ser discutido e votado. Com informações da Agência Brasil.

Comentários

Motorista usa manequim para enganar polícia e acaba no tribunal.