Temer diz que Brasil deixou recessão para trás.

Criança com câncer agoniza no HFM, em Campos, RJ, esperando transferência.

Campos dos Goytacazes - Iader Coutinho dos Santos, de 6 anos, deu entrada no Hospital Ferreira Machado no dia 08 de fevereiro. Com diagnóstico de câncer, o menino ainda espera uma transferência para um hospital especializado no tipo de tratamento que necessita passar. Segundo informações do jornal "Notícia Urbana", há quase um mês, a família da criança labuta para que o ele seja transferido para Itaperuna ou Rio de Janeiro, mas, segundo parentes, a própria unidade de saúde não explica o porquê de a transferência ainda não ter acontecido.

A criança sofre de câncer do tipo meduloblastoma, e no mesmo mês, passou por uma cirurgia no Hospital São José do Avaí, em Itaperuna. Após o procedimento, o menino foi encaminhado para o tratamento de radioterapia na própria cidade. Antes, porém, de dar início a radioterapia, a criança teve uma crise convulsiva em Campos, cidade onde mora, e foi socorrido para o HFM, onde está internado desde o dia 8 do mês passado, disse, ao jornal, Cenilda Coutinho Souza, tia da criança.

Burocracia - Ainda de acordo com a tia de Iader, problemas burocráticos estariam impedindo a transferência da criança. Ao jornal N.U, ela explicou que o Instituto Nacional de Câncer (INCA) alega que a cirurgia dele aconteceu no Hospital São José do Avaí. Sendo assim, o tratamento deverá acontecer na unidade de saúde itaperunense. Por outro lado o hospital de Itaperuna diz que não pode receber o paciente porque não existe convênio entre a Prefeitura de Campos. Enquanto os hospitais ficam nesse jogo de empurra, a saúde dele vai ficando cada vez mais debilitada.

Meduloblastoma é um câncer do cerebelo, de crescimento rápido, pouco invasivo e mais comum em crianças. Se origina nas células neurológicas mais primitivas da medula do cerebelo.

Ainda de acordo com o jornal "N.U", a Secretaria de Saúde de Campos disse, através de nota, que tem acompanhado o caso da criança Iader Coutinho dos Santos e já solicitou à Regulação Estadual uma vaga para UTI pediátrica em Itaperuna para que a transferência seja feita, porém aguarda uma estabilização do quadro clínico do paciente. O Hospital São José do Avaí, em Itaperuna, é referência em neurocirurgia e regulada pelo Estado e recebe pacientes para esse tipo de procedimento mediante confirmação da vaga pela Regulação Estadual.

(Por: Washington Luiz).
Com informações do Jornal de 'Notícia Urbana'.

Comentários

Motorista usa manequim para enganar polícia e acaba no tribunal.