IURD enviou Carta Protesto para fiel com dízimo atrasado? Não, é boato.

Circula pela internet uma suposta 'Carta Protesto', atribuída a Igreja Universal do Reino de Deus, cobrando o dízimo atrasado de um fiel, identificado como Ton Silva Brasil. 

Apesar de ter gerado revolta, como geralmente ocorre com a maioria das notícias envolvendo igrejas evangélicas, principalmente a Igreja Universal do Reino de Deus, do bispo Edir Macedo, essa história de que a IURD enviou uma carta protesto para um fiel é falsa. 

Vamos aos fatos. Quem frequenta, ou já frequentou a IURD, sabe que não tem como identificar quem dá ou não o dízimo, nem o valor doado por cada fiel. A Igreja Universal não distribui envelopes contendo nomes dos fieis e também não sabe quando ou em que templo o dízimo será entregue. Dessa forma, podemos perceber que é muito difícil descobrir quem deu ou não o dízimo. 


Outro ponto que chama atenção nesta história é que a suposta Carta Protesto que circula pela internet cita o Artigo 756 do Código Civil Brasileiro para justificar a cobrança. Só que este artigo fala sobre a responsabilidade civil no transporte de coisas: bagagens, encomendas, produtos ... 

Diante dos fatos apresentados, podemos afirmar que está tal "Carta Protesto" que teria sido enviada para o fiel da Igreja Universal do Reino de Deus é FALSA.

Washington Luiz, repórter do Momento Verdadeiro.

Comentários

Camisa do Flamengo é eleita a 2ª mais bonita do mundo.



Software recomendado
Baixar videos do YouTube com Freemake